Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2021

Saiba os direitos e deveres do locatário, de acordo com a Lei do Inquilinato

Nem todo mundo sabe, mas desde 1991 existe uma lei que garante os direitos e deveres dos inquilinos nas transações imobiliárias, a Lei do Inquilinato é um conjunto de regras e normas que regulamenta o mercado de aluguéis residenciais e comerciais. Portanto, se você for alugar um imóvel é preciso saber que existem deveres e direitos que você, como locatário, deverá cumprir. Ao longo do tempo, algumas alterações ocorreram na legislação. A primeira foi em 2009, por meio da Lei nº 12.112. Na ocasião, foi determinada, por exemplo, a diminuição do prazo para o inquilino sair da residência. Já em 2016, com as mudanças no Código de Processo Civil, a Lei do Inquilinato foi modificada novamente, principalmente com relação às ações de despejo. Mas por que é importante estar informado sobre isso? Se você for contratar uma imobiliária para interceder a locação, é ela quem vai garantir que todos os seus direitos e deveres sejam cumpridos, de acordo com a lei e, também, vai te auxiliar em caso de d

4 dicas essenciais para saber antes de comprar um imóvel

Para o sonho do imóvel próprio não se tornar frustração é importante que tudo seja planejado e organizado. Assim, é possível garantir com mais segurança uma negociação tranquila e de acordo com os planos que você tinha para um progresso tão importante. Selecionamos 4 dicas essenciais, que farão a diferença na hora de planejar e executar a compra do seu imóvel. Acompanhe as notícias do mercado Sempre que for comprar um imóvel avalie quais são as informações mais relevantes do mercado imobiliário naquele momento. Atente-se sempre para oportunidades que possam surgir em razão dessas variações. Existem alguns índices que podem te ajudar na tomada de decisões, são eles: INCC (Índice Nacional da Construção Civil); IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado); ICC (Índice de Confiança do Consumidor, calculado pela FGV através do Instituto Brasileiro de Economia); Taxa de Juros SELIC (Sistema Especial de Liquidação e Custódia). Entender o que eles significam e como interferem no mercado imobiliá

As expectativas do mercado imobiliário para 2021

O mercado imobiliário iniciou 2020 com ótimas perspectivas. No ano anterior, 2019, o crescimento foi de 0,3%, segundo o IBGE, o que sinalizava o fim da recessão. A venda de imóveis poderia crescer em torno de 20% no ano, tendo em conta a reativação da demanda reprimida de 2014 a 2018. No primeiro trimestre de 2020, mesmo com a pandemia decretada em 14 de março, a venda de apartamentos novos registrou elevação de 26,7% em relação ao mesmo período do ano anterior. No segundo trimestre, apesar do vírus, o crescimento foi de 10,5%, comparado com o mesmo mês de 2019, segundo a ABRAINC – Associação Brasileira de Incorporadores Imobiliários. O mercado sofreu alterações expressivas com a pandemia do novo coronavírus. Para 2021 a expectativa é positiva, o motivo disso é a mudança de comportamento da população, que provavelmente impactará diretamente na maneira em como as pessoas vivem e em como escolhem o local do imóvel no qual irão morar. Por isso, é esperado que a busca por imóveis mai

Os riscos e as desvantagens do aluguel direto com o proprietário

Freepik Na hora de alugar um imóvel, muitas pessoas optam por fechar o negócio diretamente com o proprietário, por acreditarem que essa é a maneira mais rápida e econômica. A falta de experiência, talvez, leve a esse pensamento prematuro e que ignora possíveis e, prováveis, prejuízos futuros. A opção mais segura ainda é procurar por uma boa imobiliária para intermediar o negócio e evitar dores de cabeça. Com o intermédio profissional seus direitos de locatário estarão garantidos por lei e você conseguirá esclarecer todas as dúvidas e entender todos os processos. Confira os riscos recorrentes de alugar diretamente com o locador. O estado do imóvel Como garantir que o imóvel estará num bom estado? Muitas informações podem ser omitidas quando não há um acordo legal como garantia. Prejuízos nas instalações do imóvel são fatores que levam a frustrações com o tempo. Talvez o imóvel esteja em perfeito estado aparentemente, mas as instalações internas podem estar danificadas e você terá