Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2022

Habite-se: Entenda o que é e a importância deste documento

A compra de um imóvel envolve diversos documentos. A lista inclui desde a documentação pessoal de compradores e vendedores até a papelada do imóvel, como registro, escritura e comprovantes de quitação do IPTU. Para quem pensa em comprar um apartamento na planta, no entanto, há mais um documento que não pode faltar: o habite-se. Habite-se é um documento emitido pela Prefeitura que comprova que o imóvel está apto para moradia, ou seja: que ele foi construído de acordo com as normas estabelecidas pelo município. Ele também é conhecido como Auto de Conclusão de Construção, Auto de Vistoria, Certificado de Conclusão de Obra, Alvará de Utilização ou Carta de Habitação. Arquitetos registrados na Prefeitura podem auxiliar proprietários que precisam tirar o Habite-se de um imóvel, por isso é importante conhecer a documentação. Para que serve o Habite-se? Ele é o documento solicitado no Cartório de Registro de Imóveis quando o responsável pela obra vai fazer a matrícula da propriedade.

Canto alemão: dicas para deixar sua casa mais espaçosa com estilo

Prático e funcional, essas são apenas duas características que o canto alemão pode oferecer para sua casa. Durante muito tempo ele foi utilizado exclusivamente em ambientes comerciais, como bares e restaurantes. Porém, com os projetos de apartamentos e casas cada vez menores, o móvel passou a ser usado para otimizar o espaço na cozinha e sala de jantar. O canto alemão é um móvel composto por sofá (pode ser de canto, em formato U ou reto), uma mesa e cadeiras. O diferencial dele é a personalização, pois pode ser feito nas medidas adequadas para seu espaço e no estilo que mais combine com sua decoração.  Sinônimo de conforto e funcionalidade, ele é o móvel ideal para quem gosta de receber os amigos em casa, mas não tem espaço suficiente para colocar uma mesa de jantar grande. Além de um diferencial prático na sua decoração, ele agrega diversas possibilidades: Baú embutido   Os bancos podem se transformar em um baú para armazenar objetos, evitando a necessidade de mais um móvel.

Férias: 05 opções em Moema para a diversão das crianças

Para a maioria das crianças as férias escolares já começaram e neste momento, os pais buscam alternativas para o lazer das crianças. Assim, as colônias de férias se tornam a melhor opção para diversas famílias. Locais seguros, monitorados e com atividades para muitas faixas etárias. Confira abaixo um mini guia com alternativa para os seus pequenos aproveitarem mais os dias de folga da escola: Shopping Ibirapuera Entre os dias 1º e 24 de julho, das 13h às 19h, o Shopping Ibirapuera recebe a atração Parque do João e o Pé de Feijão, baseado na história conhecida por todos os pequenos. Para acompanhar João em sua aventura escalando o pé de feijão e conhecendo o castelo do gigante, as crianças terão várias atrações para brincarem e oficina organizada por monitores, na qual elas podem plantar seu próprio feijãozinho e levar para casa. Gratuito Observação: Participação mediante apresentação de cupom resgatado no aplicativo do shopping Av. Ibirapuera, 3103 - Moema (11) 5095-2300

Condomínio pode proibir locações de plataformas de hospedagem?

É fato que a vida moderna e o avanço da tecnologia revolucionaram nosso dia-a-dia. Mais facilidades para conectar pessoas, cuidar da casa, aprimorar conhecimentos… Dentre diversas mudanças, uma delas foi a maneira como viajamos e nos hospedamos. O crescimento das plataformas de hospedagens residenciais marcou uma nova era para viajantes do mundo todo. Diversas opções para atender a todos os públicos, dos mais econômicos aos mais extravagantes.   Essa praticidade é boa e, em muitos casos, tem se mostrado funcional. Mas não é difícil encontrar locatários que relatam problemas ou descontentamento. Quando a locação é em condomínio, os relatos negativos são mais enfáticos e envolvem terceiros, neste caso são os condôminos com residência fixa nos apartamentos. Dados mostram que, em 2019, 50% dos anfitriões brasileiros utilizaram a renda extra com o Airbnb para manter suas propriedades e 22% usaram essa renda para deixar as contas em dia.  Como os condomínios devem proceder  É importante ress