Pular para o conteúdo principal

5 dicas para não errar ao alugar um imóvel comercial

 

Pexels

Tempo de leitura: 2,5 minutos


Definir o segmento, o público, a área de atuação são algumas etapas do processo de quem deseja empreender e abrir a própria empresa. O local aonde o negócio será estabelecido é um dos fatores mais relevantes, a escolha de um imóvel comercial envolve análise cuidadosa. 

Por isso é importante analisar bem o ponto do comércio e saber quais são as suas reais necessidades, para evitar contratempos relacionadas à ampliação ou à infraestrutura e até prejuízos. Lembre-se: num ponto comercial a localização é a primeira impressão que você passa ao seu cliente!

Confira algumas dicas essenciais para não errar ao escolher o imóvel comercial ideal para o seu negócio:

1. Defina um orçamento

É importante que você saiba o capital disponível, quanto você pode investir e qual será o valor destinado à sua reserva de segurança, para imprevistos. Neste planejamento, também é fundamental que você pesquise e saiba o tempo de retorno para o seu lucro.

No que estiver destinado às despesas com o imóvel, não considere apenas o valor do aluguel, mas também a taxa de IPTU, de possíveis reformas, manutenções, gastos com decoração, mobiliário e mudanças. 

2. Exponha suas necessidades ao corretor de imóveis

O corretor é o profissional que te ajudará a encontrar o que você procura. Seja claro nas suas pretensões em relação ao imóvel: tamanho, localização, valores. Aproveite o conhecimento dele sobre a região para estabelecer o seu negócio em uma localização estratégica.

Antes de começar a sua busca, liste suas prioridades para ter clareza dos atributos que o imóvel precisa.

3. Pense a longo prazo

O imóvel escolhido é ideal para o que você precisa atualmente, mas e para o futuro? Além de considerar suas necessidades atuais, também é importante pensar no desenvolvimento a médio e longo prazo. Leve em conta seus planos de expansão, possíveis contratações de novos membros para a equipe de funcionários, aquisição de novos equipamentos e ampliação de estoque. 

Se não for possível crescer no imóvel, talvez ele não seja a melhor opção.

4. Localização

Observe se o imóvel está localizado em uma região de fácil acesso - tanto para o público consumidor quanto para seus funcionários. Estar próximo de pontos como restaurantes e transporte público faz toda a diferença.

É muito importante visitar a região em diferentes momentos do dia e em diferentes dias da semana. Assim, fica mais fácil avaliar qual é o real movimento de pessoas, potenciais clientes nas redondezas e quais horários há maior fluxo.

Verifique se a área é segura e se o sinal de rede telefônica e internet funcionam bem na região.

Entenda se para seu negócio é importante estar próximo a outros comércios do mesmo segmento ou se é melhor ser o único na região.

5. Atenção ao contrato

Ao alugar o imóvel com o auxílio de uma imobiliária, você se previne e evita diversos problemas em relação à burocracia. Esta assessoria vai te auxiliar, sanar suas dúvidas e elaborará um contrato que esteja de acordo com o que foi combinado com ambas as partes (locador e locatário). Nele deve conter informações sobre o valor do aluguel, as taxas que o locatário deve pagar, tempo de duração, dados da vistoria e as penalidades previstas, caso haja o descumprimento de alguma cláusula. 

Conte com a MJ Imóveis para encontrar o imóvel ideal para seu negócio ser um sucesso. Ligue e agende com um de nossos corretores especializados em Moema e região: 5051-9563


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Locador e locatário acertando as contas com o leão

O Imposto de Renda sobre aluguel é um tema que costuma gerar dúvidas e até erros na hora da declaração. É preciso ter muita atenção, pois a informação errada ou faltante pode causar sérios problemas, levando o contribuinte a cair na malha fina. Os aluguéis devem ser obrigatoriamente informados na Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) de ajuste anual com base no valor dos aluguéis recebidos, que são refletidos nos informes de rendimentos fornecidos pela imobiliária no contrato de locação. O locador que  recebeu aluguel mensal no limite da isenção do Imposto de Renda também deve declarar. Isso é necessário porque esses valores serão contabilizados na renda total para calcular o valor de uma possível restituição. O pagamento do tributo é de responsabilidade do locador, quando o locatário for pessoa física. É importante que você esteja atento. Já que este ano a regra do Imposto de Renda estabelece que apenas o valor líquido do aluguel será tributado. Despesas como IPTU (Impo

6 atributos que fazem de Moema o bairro ideal

Tempo de leitura: 2,5 minutos Restaurantes renomados, diversidade de estabelecimentos comerciais, lazer e qualidade de vida. Parece difícil imaginar que tudo isso seja característica de um mesmo bairro em São Paulo, mas Moema é versátil e consegue oferecer aos moradores e visitantes diversas opções com a sofisticação de um bairro nobre e o bem estar de cidade do interior. - Localização Situado no centro-sul de São Paulo, o bairro nobre tem localização privilegiada e fácil acesso, seja de carro, ônibus, metrô ou bicicleta. A linha 5 Lilás do Metrô, faz conexão com com outras linhas: 1 Azul e 2 Verde. A Avenida Ibirapuera conta com um amplo corredor de ônibus que, atende as mais diversas áreas da cidade.  - Lazer e cultura Um dos primeiros bairros planejados da cidade e com planejamento urbano bem estruturado, Moema tem as ruas arborizadas e uma ampla área verde. Está ao lado do Parque do Ibirapuera, um dos principais da cidade, que conta com a Bienal, a Oca, o Museu de Arte Moderna (MAM

Reajuste do aluguel: como funciona e qual a interferência do IGP-M?

  Pixabay Tempo de leitura: 2,5 minutos Quem já está habituado a alugar imóvel sabe que anualmente ocorre o reajuste no valor do aluguel.  Conforme a Lei do Inquilinato (Lei 8.245/91), é permitido reajustar o valor do aluguel uma vez por ano, tanto para imóveis residenciais, quanto para comerciais. Esta atualização do valor acontece como um meio de evitar a desvalorização do imóvel e para prevenir que o proprietário tenha prejuízo com ganhos defasados em relação ao mercado e inflação. Por outro lado, deixar que o processo aconteça individualmente (pela vontade de cada locador) aumentaria a probabilidade de cobranças abusivas, por isso a definição de um índice como parâmetro é tão importante. Portanto, é fundamental que todas as especificações sobre o reajuste estejam no contrato de locação. Este tema torna a busca por uma imobiliária séria, que saiba te orientar corretamente e que tenha conhecimento sobre todas as informações a respeito deste assunto ainda mais importante. Como funcion