Pular para o conteúdo principal

5 dicas que você precisa saber antes de alugar um imóvel

 

Pexels

- Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Diversos fatores são decisivos no momento de alugar um imóvel, o mais importante para evitar dores de cabeça é optar por uma imobiliária com experiência e credibilidade. Lembre-se de que é a imobiliária que garante seus direitos como locatário, representa você nas negociações com o proprietário e certifica que ambas as partes estejam de acordo. 

Além de auxiliar na parte burocrática, é a imobiliária que disponibiliza o corretor de imóveis, profissional especializado em buscar o local ideal que atenda todas as suas necessidades.

5 dicas importantes na hora de escolher seu imóvel:

1) Saiba quais serão os seus gastos

Você irá pagar mais do que apenas o aluguel. Além de internet, gás e energia, há despesas como a taxa de condomínio (caso você opte por um apartamento), o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e despesas relacionadas à mudança. Também tenha em mente que você poderá precisar de novos móveis ou adaptações nos que já tem. Alguns gastos não serão fixos, mas devem estar no seu planejamento. Faça uma previsão das suas finanças e saiba o limite do seu orçamento.

2) Defina o espaço que melhor te atenderá

Você vai morar sozinho? Precisa de um quarto para as visitas? Imóvel com varanda é essencial? Faz questão de lazer como piscina, playground e churrasqueira no condomínio? Tenha em mente exatamente o que você deseja, dessa forma o corretor de imóveis saberá suas necessidades para te apresentar opções que se encaixam no perfil.

3) Escolha a localização

O que é mais importante para você: morar perto do trabalho, metrô, família? Leve em consideração suas prioridades de localização para se sentir confortável e economizar tempo nos deslocamentos. É importante se atentar às facilidades que a região oferece para o estilo de vida que você prefere, como restaurantes, mercados, parques, assim você garante uma rotina mais prática e feliz há poucos metros de casa. Outro ponto relevante é verificar a disponibilidade para instalação de internet, telefone e TV a cabo, o corretor saberá informar as capacidades da região e condomínio.  

4) Atente-se aos detalhes

Após definir o imóvel escolhido, é hora de verificar os detalhes. A locação feita por intermédio da imobiliária garante uma “vistoria de entrada” mais segura e confiável - visita que antecede a entrega de chaves e gera um documento que relata as condições exatas em que o imóvel se encontra. Ainda assim, é importante que você cheque alguns detalhes como: condições da pintura, funcionamento de janelas, teste de lâmpadas, chuveiro. Visite o local durante o dia e observe a iluminação natural. Todos estes pontos são fundamentais para que você tenha conforto desde o primeiro dia. 

5) Momento do contrato

Pergunte ao corretor qual a documentação necessária e certifique-se que você está com todos os documento em mãos e em dia para evitar burocracias extras de última hora. 

Leia o contrato por completo para estar ciente e de acordo com as cláusulas que ele estipula. Nele deverão constar informações sobre o valor do aluguel, as taxas que o locatário deverá arcar, tempo de duração, dados da vistoria e as penalidades previstas, caso haja o descumprimento de alguma cláusula. 

Pronto, agora você está preparado para encontrar o seu próximo imóvel com mais tranquilidade e segurança. A MJ Imóveis está sempre à disposição para te auxiliar na busca do seu próximo imóvel, seja ele casa, apartamento ou espaço comercial, de acordo com os seus gostos e prioridades.  


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

OS IMPACTOS DA PANDEMIA NO MERCADO IMOBILIÁRIO

Bem-vindo! Pensando em você, criamos este blog para que você possa acompanhar o mercado imobiliário nestes tempos de pandemia.
Entendemos que somos detentores de informações importantes e que precisamos compartilhá-las com você.
O primeiro conteúdo é um panorama geral sobre OS IMPACTOS DA PANDEMIA NO MERCADO IMOBILIÁRIO. Aproveite a leitura!

Começaremos esta semana falando um pouco do cenário econômico X imobiliário antes e no início da pandemia. O setor de venda e locação de imóveis vinha desde 2019 em uma curva crescentejuntamente com a ascensão da economia brasileira. A liquidez das transações imobiliárias (quantidade de transações), assim como os preços de mercado subiam exponencialmente como há muito tempo não víamos. As pesquisas mostram que o mercado sofreu forte queda no mesmo momento em que a crise foi anunciada. Há uma diferença no impacto causado nos imóveis comerciais e residenciais. Imóveis comerciais estão sofrendo diretamente pela queda de volume de vendas por causa d…

A INFLUÊNCIA DO CORONA VÍRUS NO MERCADO IMOBILIÁRIO, 2ª ONDA

Com base em pesquisas do setor imobiliário, em informações do DataZap, elaboramos um post com informações fresquinhas. É uma 2ª onda que está trazendo respostas sobre o que o Corona Vírus mudou nas finanças pessoais, nas expectativas de gastos com moradia e nas novas demandas para os profissionais do mercado.
É fundamental compartilhar com vocês que o cenário já melhorou desde o início da crise em nosso setor. O público aderiu e gostou das novas práticas tecnológicas, o que permitiu a retomada do fechamento de negócios.
Em uma pesquisa feita pelo DataZap, 75% do público-alvo era da região Sudeste e dentre eles, 91% residentes da Capital, maioria mulheres entre 25 e 36 anos que demonstram alto interesse na locação de imóveis (53%), superando a iniciativa de compra (31%). O índice se mostra alto para ambos os casos, indicando boa taxa de segurança dos consumidores e uma inclinação a fecharem negócios.
Um ponto importante a ressaltar é que 72% dos respondentes que demonstram interesse n…

QUEM SERÁ O POSSÍVEL CONSUMIDOR PÓS-CRISE?

Antes de traçar o novo perfil do consumidor 2020 pós-crise, vamos fazer um panorama do consumidor 2020 pré-crise. Todos os caminhos guiavam as gerações Y e Z para a praticidade e mobilidade. A evolução de serviços de recorrência (clubes por assinatura) como Spotfy e Netflix foi rápida. Avanços tecnológicos mudaram os hábitos de consumo e com isso os serviços pagos por mensalidade se tornaram mais frequentes, gerando a economia da recorrência. Os serviços de recorrência mudaram a forma com que as pessoas se relacionam com as compras. Quer dizer que: você não precisa mais adquirir um produto, apenas paga para ter acesso recorrente, por tempo determinado. É fácil relacionar este tipo de serviço ao aluguel de imóveis. Pensando ainda no consumidor 2020 pré-crise, a opção de locação de imóveis ao invés da compra, se tornou a escolha perfeita. Estamos falando de um consumidor que quer agilidade nos processos e negociações, conforme contamos no primeiro post do Blog (Os Impactos Da Pandemia…