Pular para o conteúdo principal

Como o mercado imobiliário influencia sua vida?

Fonte: Wikimedia commons
Frequentemente ouvimos falar e até usamos a expressão “mercado imobiliário”, mas o que significa isso? O mercado imobiliário é o setor da economia no qual são negociados os chamados bens imóveis. Na teoria, se considera um bem imóvel aquele que não pode ser transportado de um lugar ao outro sem que sua essência seja alterada. Simplificando, podemos considerar o mercado imobiliário como aquele onde ocorrem as negociações referentes a um terreno e/ou à área construída sobre ele.
Este mercado é responsável  pelas transações de compra, venda e aluguel de casas, apartamentos, salas comerciais e compra e venda de terrenos. Assim como fundos de investimentos e negociações na bolsa de valores. Para exemplificar em números, apenas a construção civil, uma das áreas deste setor, é responsável por aproximadamente 4% do Produto Interno Bruto (PIB) e mais de 5% dos empregos com carteira assinada. Pensado em tudo isso é mais fácil perceber a dimensão desta área e a sua importância econômica para o país.
Não é difícil entender como este segmento é relevante e interfere, inclusive, no nosso dia a dia. “O mercado imobiliário influencia a vida de todos, sem exceção pois se trata de moradia. Seja no aluguel ou na compra, todos nós teremos que lidar com um destes fatores em algum determinado momento”, afirma Cintia Malandrino gerente comercial da MJ Imóveis.
Isso significa que para escolher o seu lar ou seu ponto de comércio você precisa estar atento às tendências deste mercado e pesquisar bastante sobre o lugar, o bairro, no qual deseja investir o seu tempo e dinheiro.

Confira as dicas que a Cintia selecionou para te ajudar a entender melhor sobre o assunto:

- Taxa de juros para financiamento imobiliário: Quanto mais baixa a taxa de juros, mais propensão à economia se movimentar, pois estes financiamentos alimentam a construção civil, gerando alto impacto na economia;
- Valor do metro quadrado da região: Com base no valor do metro quadrado da região você pode saber o quão valorizado é aquele pedaço da cidade, o que ditará o preço de mercado e demais comércios daquele bairro específico;

- Para quem opta por aluguel: ele passa a ser em sua maioria, a maior conta de nossas despesas, ou seja, nosso maior investimento. Isso nos obriga a entender sobre o mercado e avaliar melhor o imóvel que estamos escolhendo para locar. Para ter ferramentas para essa avaliação mais criteriosa, basta pesquisar bastante antes de fazer a sua escolha. Quanto mais imóveis você pesquisar e visitar, mais parâmetros terá para saber se é a escolha certa;

- Para quem opta por comprar um imóvel: o conhecimento sobre o mercado tem um peso ainda maior. A aquisição de um apartamento ou de uma casa por muitas vezes compromete a sua renda por até 30 anos para quem opta por um financiamento. Ou então, demanda o investimento do acumulado de anos de trabalho para um pagamento à vista. A escolha de um imóvel abrange localização x valor. E conhecer a região minuciosamente, assim como os imóveis disponíveis dentro daquela área, te ajuda a chegar na melhor decisão. Por muitas vezes esta jornada de compra leva até um ano, justamente por ser um dos maiores investimentos da vida do comprador.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

OS IMPACTOS DA PANDEMIA NO MERCADO IMOBILIÁRIO

Bem-vindo! Pensando em você, criamos este blog para que você possa acompanhar o mercado imobiliário nestes tempos de pandemia.
Entendemos que somos detentores de informações importantes e que precisamos compartilhá-las com você.
O primeiro conteúdo é um panorama geral sobre OS IMPACTOS DA PANDEMIA NO MERCADO IMOBILIÁRIO. Aproveite a leitura!

Começaremos esta semana falando um pouco do cenário econômico X imobiliário antes e no início da pandemia. O setor de venda e locação de imóveis vinha desde 2019 em uma curva crescentejuntamente com a ascensão da economia brasileira. A liquidez das transações imobiliárias (quantidade de transações), assim como os preços de mercado subiam exponencialmente como há muito tempo não víamos. As pesquisas mostram que o mercado sofreu forte queda no mesmo momento em que a crise foi anunciada. Há uma diferença no impacto causado nos imóveis comerciais e residenciais. Imóveis comerciais estão sofrendo diretamente pela queda de volume de vendas por causa d…

A INFLUÊNCIA DO CORONA VÍRUS NO MERCADO IMOBILIÁRIO, 2ª ONDA

Com base em pesquisas do setor imobiliário, em informações do DataZap, elaboramos um post com informações fresquinhas. É uma 2ª onda que está trazendo respostas sobre o que o Corona Vírus mudou nas finanças pessoais, nas expectativas de gastos com moradia e nas novas demandas para os profissionais do mercado.
É fundamental compartilhar com vocês que o cenário já melhorou desde o início da crise em nosso setor. O público aderiu e gostou das novas práticas tecnológicas, o que permitiu a retomada do fechamento de negócios.
Em uma pesquisa feita pelo DataZap, 75% do público-alvo era da região Sudeste e dentre eles, 91% residentes da Capital, maioria mulheres entre 25 e 36 anos que demonstram alto interesse na locação de imóveis (53%), superando a iniciativa de compra (31%). O índice se mostra alto para ambos os casos, indicando boa taxa de segurança dos consumidores e uma inclinação a fecharem negócios.
Um ponto importante a ressaltar é que 72% dos respondentes que demonstram interesse n…

QUEM SERÁ O POSSÍVEL CONSUMIDOR PÓS-CRISE?

Antes de traçar o novo perfil do consumidor 2020 pós-crise, vamos fazer um panorama do consumidor 2020 pré-crise. Todos os caminhos guiavam as gerações Y e Z para a praticidade e mobilidade. A evolução de serviços de recorrência (clubes por assinatura) como Spotfy e Netflix foi rápida. Avanços tecnológicos mudaram os hábitos de consumo e com isso os serviços pagos por mensalidade se tornaram mais frequentes, gerando a economia da recorrência. Os serviços de recorrência mudaram a forma com que as pessoas se relacionam com as compras. Quer dizer que: você não precisa mais adquirir um produto, apenas paga para ter acesso recorrente, por tempo determinado. É fácil relacionar este tipo de serviço ao aluguel de imóveis. Pensando ainda no consumidor 2020 pré-crise, a opção de locação de imóveis ao invés da compra, se tornou a escolha perfeita. Estamos falando de um consumidor que quer agilidade nos processos e negociações, conforme contamos no primeiro post do Blog (Os Impactos Da Pandemia…